São Paulo decola no segundo tempo, goleia Chape e sobe na tabela do Brasileirão. VEJA FOTOS

0 27

Dos três aos 10 minutos do segundo tempo, o São Paulo fez três gols na Chapecoense. Marcou mais um nos acréscimos, decidiu a goleada sobre o rival por 4 a 0, na noite desta segunda-feira, no Morumbi, e decolou na tabela do Campeonato Brasileiro.

As mudanças do técnico Cuca no intervalo (Everton e Toró nos lugares de Luan e Alexandre Pato) surtiram efeito rapidamente, e o Tricolor chegou ao resultado com gols de Antony, Toró e Raniel e Vitor Bueno – para festa do torcedor no Morumbi, que até vaiou o time no fim da primeira etapa.

Foi o resultado mais elástico do São Paulo na atual temporada – e o fim de uma sequência de oito jogos sem vitórias do Tricolor (cinco empates e três derrotas) entre Brasileiro e Copa do Brasil.


Antony e Toró comemoram em goleada no Morumbi (Foto: Marcos Ribolli)

A vitória fez o São Paulo disparar na tabela e subir da 12ª para a quinta posição na tabela do Brasileirão, com 18 pontos. A Chapecoense, por sua vez, continua na zona de rebaixamento, com oito pontos somados em 11 rodadas – à frente apenas de CSA e Avaí.

Noite da primeira vez

O São Paulo venceu seu primeiro jogo por quatro gols de diferença na temporada, e o duelo teve outros feitos inéditos: Antony fez seu primeiro gol como profissional no Morumbi, enquanto Raniel e Vitor Bueno marcaram pela primeira vez com a camisa do Tricolor.

VAR em ação

Mesmo com o jogo praticamente perdido, a Chape foi ao ataque, valente, e conseguiu diminuir o placar com Gum, após aproveitar cobrança de falta na área do São Paulo. A arbitragem, porém, marcou impedimento do zagueiro. De acordo com Paulo César de Oliveira, comentarista do Grupo Globo, “o pé de Hernanes dava condição a Gum, que tinha apenas o braço à frente da linha – e o braço não conta. O gol foi legal”. O quarto gol do São Paulo também teve observação de possível impedimento pelo VAR, mas foi corretamente validado.

Primeiro tempo

O São Paulo não conseguiu controlar o jogo no começo, e a Chapecoense iniciou melhor. A primeira chance clara saiu em jogada trabalhada entre Eduardo, Arthur Gomes e Everaldo, mas Tiago Volpi, com o pé, evitou o gol. A resposta tricolor veio com boa combinação entre Antony, Pato e Raniel, salva por Douglas quase em cima da linha. O Tricolor ainda criou outras situações com Antony e Pato, e a Chape desperdiçou ótimo contra-ataque com Camilo. Mas ninguém marcou, e o primeiro tempo terminou com vaias da torcida são-paulina.

Segundo tempo

As substituições de Cuca deram certo, e o São Paulo amassou a Chapecoense. Em 11 minutos fez três gols. Everton e Toró entraram. O meia-atacante deu assistência para Antony no primeiro, Toró fez o segundo em lindo chute de fora da área e Raniel roubou a bola no ataque para marcar o terceiro. Com o jogo definido, a Chape tentou uma reação, mas abriu espaços ao Tricolor. No fim, Tchê Tchê enfiou ótimo passe para Igor Vinícius, que foi ao fundo e cruzou para Vitor Bueno definir o placar de cabeça.

Atuações do São Paulo

Gol do São Paulo! Toró chuta de fora da área e amplia, aos 7′ do 2 tempo

Time posado do São Paulo contra a Chapecoense

Time posado do São Paulo contra a Chapecoense (Fotos: Marcos Ribolli)

Público e renda

Público: 35.558 torcedores (total).

 

Renda: R$ 842.238,00.

 

Próximos jogos

Igor Vinícius finaliza e Tiepo manda para escanteio, aos 30′ do 2 tempo(Fotos: Reprodução)

As duas equipes voltam a campo no próximo fim de semana, pela 12ª rodada do Brasileirão. O São Paulo vai ao Maracanã enfrentar o Fluminense, sábado, às 19h (de Brasília), enquanto a Chapecoense recebe o Bahia no domingo, às 11h, na Arena Condá.

 

Globo Esportes 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.