MS E PR-Vídeo: PRF persegue caminhonete que furou bloqueio na ponte Ayrton Senna e detém 2 homens armados

De acordo com a PRF, caminhonete havia sido recém roubada. Veículo estava em fuga na ponte que divide os estados de MS e PR.

0 75

Agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) que estavam na ponte Ayrton Senna, que divide os estados Mato Grosso do Sul e Paraná, perseguiram uma caminhonete que furou uma barreira de fiscalização do lado paranaense, próximo a Guaíra, e prenderam motorista e passageiro ao final da ponte, já em MS.

As imagens de drone mostram os policiais organizando um bloqueio com o auxílio de uma carreta e duas viaturas. Em seguida, é possível ver a caminhonete quem vem em alta velocidade tentando passar na lateral da carreta que bloqueava a pista. Neste momento, o veículo para e dele descem o motorista e um passageiro que são detidos pelos agentes. Ao lado do motorista os policiais encontraram uma arma carregada. Os dois presos são paraguaios.

De acordo com Cleiton Tofoli Cortez, chefe da Delegacia da PRF de Guaíra, os agentes viram que os documentos da caminhonete pertenciam a uma pessoa de Guaíra e descobriram que o veículo havia sido recém roubado.

A equipe da PRF participava da operação Muralha, em conjunto com Exército, Receita Federal, Polícia e outros órgãos, em Guaíra, quando o veículo não atendeu ao sinal de parada no início da ponte:

Uma arma carregada foi encontrada pelos agentes da PRF em veículo roubado que furou bloqueio na ponte entre MS e PR — Foto: Chico Gomes/TV Morena

Uma arma carregada foi encontrada pelos agentes da PRF em veículo roubado que furou bloqueio na ponte entre MS e PR — Foto: Chico Gomes/TV Morena

“Eles avançaram e foram efetuados disparos que atingiram um pneu. Mesmo assim eles seguiram em fuga e quando isso acontece, é perigoso haver algum acidente sobre a ponte, por isso pedimos pelo rádio para os agentes que estavam do lado de MS para uma outra ocorrência, bloquearem o trânsito.”

Os dois presos foram encaminhados para a Polícia Civil de Guaíra, que investiga se a caminhonete pertence a uma família que foi assaltada por 3 pessoas e feita refém pela manhã.

Os agentes viram que os documentos da caminhonete pertenciam a uma pessoa de Guaíra e descobriram que o veículo havia sido recém roubado. Os dois presos foram encaminhados para a Polícia Civil de Guaíra, que investiga se a caminhonete pertence a uma família que foi assaltada por 3 pessoas e feita refém pela manhã.

 

Pontaporainforma

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.